As florestas nas Escolas de Campo

06/11/2013 15:10

Os professores e alunos da escola de campo puderam conhecer o projeto e a equipe de professores e alunos da UFSC. Além da programação prevista, os participantes puderam participar da exposição da Semana do Livro promovida pela Universidade. No campo, os participantes visitaram o Sistema Agroflorestal (SAF) e plantaram duas mudas de Erva-mate e Goiaba-serrana, espécies importantes no uso regional, e a Compostagem, onde é produzido o adubo orgânico utilizado na cova para o plantio das mudas no SAF. A iniciativa faz parte do projeto Novos Talentos de Curitibanos, financiado pela CAPES. – Coordenador João Batista Tolentino. Dentro deste projeto, o  Sub Projeto 1 – As florestas nas escolas de campo tem objetivo de proporcionar experiências com os cursos de Engenharia Florestal e Agronomia, que possam aprofundar o conhecimento nas áreas de conservação da natureza, manejo florestal, sistemas agroflorestais e organizações produtivas.Coordenação: Prof. Dr. Marcelo C. Scipioni

Carneiro Hidráulico SAFs

31/10/2013 15:27

Hoje aconteceu a oficina de instalação do Carneiro Hidráulico no Campus da UFSC com a presença dos Técnicos da Epagri (Curitibanos e Frei Rogério) e participação de Professores, Servidores e Alunos. As ações fazem parte do projeto Resgate dos Modelos de Sistemas Agroflorestais – SAF’s no Planalto Catarinense, Coordenado por Juliano Wendt.(PROEXT 2013/MEC/SESU).

Visita técnica Rigesa

21/10/2013 19:24

Prof. Magnos Alan Vivian – Prof. Juliano Wendt – Prof. Ugo Belini – Eng. Agr. Ricardo Paim (Gerente de Pesquisa e Tecnologia da MWV RIGESA) e Bio Gisela Andrejow (Coordenadora do Programa de Melhoramento Genético da MWV RIGESA)

No dia 17/10/2013 estiveram na Divisão Florestal da MWV RIGESA os professores do Curso de Eng. Florestal Juliano Wendt, Magnos Alan e Ugo Belini. Foram apresentadas as instalações, oportunidades de estágio e pesquisa da MWV RIGESA. A visita foi fruto de uma solicitação da empresa que está a busca de uma aproximação junto ao setor acadêmico para a criação e fortalecimento de novas parcerias institucionais.

Os docentes foram recebidos pelo Eng. Agr. Ricardo Paim (Gerente de Pesquisa e Tecnologia da MWV RIGESA), Eng. Florestal Antonio Tsunoda (Gerente de Relações com a Comunidade), Eng. Florestal Fábio Ferlim (Coordenador de Silvicultura da MWV RIGESA) e Eduardo Augusto Dreveck Mota (Relações com a Comunidade).

Acadêmicos na BERNECK

02/10/2013 14:14

Através da disciplina Tecnologia de Produtos Florestais (EFL 7617) foi realizada visita técnica à linha de produção de painéis MDF e revestidos da empresa Berneck S.A. em Curitibanos-SC. Através deste evento, os alunos puderam vivenciar de forma prática conceitos teóricos vistos em sala de aula e verificar, em detalhes, uma das linhas de produção mais modernas do Brasil. A visita foi coordenada pelo Gerente de Processos Ivan R. Pallone (Berneck S.A.) e pelo Prof. Ugo Leandro Belini (UFSC)

Florestal & Biomassa 2013

25/09/2013 21:57

Os Acadêmicos do Curso de Engenharia Florestal estiveram em Lages na ultima semana participando da feira Florestal e Biomassa. O evento tem por objetivo a difusão de informações e tecnologia relevantes para a cadeia produtiva da madeira, com foco no aproveitamento eficiente e sustentável da madeira, desde a silvicultura até sua colheita, transporte, industrialização e processamento de seus resíduos na geração de energia. Os Frofessores Ugo Belini e Magnos Alan Vivan.

Viagem de Estudos Dendrologia

27/05/2013 11:54

Os estudantes acompanhados do Prof. Marcelo Scipioni visitaram o Horto Florestal e Jardim Botânico da COPEL, Faxinal do Céu/PR. Com uma área de 152 hectares, o Jardim Botânico tem como finalidade conciliar a produção, cultivo e pesquisa das diversas espécies de plantas nativas e exóticas com a educação ambiental.

Viagem de Estudos Agroecologia

27/05/2013 11:30

Estudantes da disciplina de Agroecologia estiveram acompanhados da Prof. Karine Santos em visita técnica ao município de Seara-SC. Na oportunidade os estudantes conheceram propriedades que utilizam o sistema agroecológico na produção de frutas e hortaliças, e processamento dos produtos na propriedade. Aproveitando a oportunidade, os acadêmicos visitaram O Museu Entomológico Fritz Plaumann, administrado através de um convênio entre a prefeitura da cidade (detentora do acervo) e a Universidade Federal de Santa Catarina. O museu contém cerca de 80 mil exemplares de 17 mil espécies diferentes de insetos, das quais 1.500 foram descobertas pelo próprio Fritz Plaumann . A maioria foi coletada durante as incursões de Plaumann na região do Alto Uruguai.

Inventário Florístico Florestal de SC disponibiliza livros

18/04/2013 13:42

 

 

 

O Projeto Inventário Florístico-Florestal de Santa Catarina é uma iniciativa do governo estadual com objetivo de inventariar os remanescentes florestais do estado e gerar uma base de dados sólida para desenvolver a política florestal para Santa Catarina. O projeto abrange, além do inventário dos recursos florestais, o levantamento florístico das florestas  catarinenses, isto é da diversidade de todas as plantas vasculares nelas existentes, além da integração  dos dados de todos os herbários do estado.

Composto por 5 metas, o projeto conta com as seguintes instituições responsáveis e executoras:  Secretaria de Agricultura e Desenvolvimento Rural (SAR), Universidade Regional de Blumenau (FURB),  Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) e Empresa de Pesquisa Agropecuária e Extensão Rural de  Santa Catarina (EPAGRI). O projeto é financiado pela Fundação de Apoio à Pesquisa de Santa Catarina – FAPESC.

Baixe os livros do IFFSC em PDF  ou visite a biblioteca do Campus e veja a obra completa.

 

Curso de Engenharia Florestal

15/09/2011 11:09

Graduação em Engenharia Florestal

O Curso de Engenharia Florestal busca formar profissionais com habilidades para promover o desenvolvimento através do manejo e a utilização correta das florestas brasileiras; estimular o desenvolvimento social, envolvendo comunidades dependentes de sistemas naturais; além de contribuir para a manutenção da biodiversidade e do equilíbrio ambiental através das atividades de pesquisa e extensão.

Continue a leitura ou assista o video

Página no Facebook